Pelo segundo ano consecutivo empresa Tem Alumínio é campeã do industrial

Notícias

Com 15 gols no placar as equipes de Tem Alumínio e Fuchs realizaram a final do Campeonato Industrial, na última quinta-feira (5). As famílias dos trabalhadores, que se tornaram atletas, ecoaram gritos de incentivo e em bom número, preencheram parte do Ginásio. Por fim, quem levou a melhor foi a equipe da empresa Tem Alumínio.

O secretário de Esportes e Lazer, Robinson Toledo, reforçou a importância desse campeonato, que integra atletas já conhecidos na cidade com os funcionários. “Essa é uma competição que envolve os atletas já tradicionais, que são os boleiros, com o pessoal que trabalha nas empresas. É possível ver um grupo muito envolvido, com muita garra e as vezes, mesmo sem tanto talento, a união fala mais alto. Essa confraternização das empresas é sem dúvidas a parte mais importante”, comentou ele.

A final foi decidida em jogo único e, em caso de empate, a partida seria decidia nos pênaltis. Mas, isso não foi preciso. Ao fim dos 40 minutos de jogo a equipe do Tem Alumínio havia aplicado nove gols, enquanto a Fuchs, seis gols.

O jogo

Logo aos três minutos de jogo o Uátila Felipe, do Tem Alumínio, marcou o primeiro gol da partida, após cobrança direta de falta. O gol de empate veio aos 10 minutos com Willian Pontes. Menos de um minuto depois, após falha do goleiro do Tem Alumínio, Fuchs ficou à frente do placar, com mais um gol de Willian.

Aos 13 minutos Uátila marcou mais um, dessa vez de pênalti. Dois minutos depois, uma bola cruzada na área resultou em um gol de Peterson Machado. Terminava assim o primeiro tempo: 3 a 2 para Tem Alumínio.

O intervalo de jogo serviu para que as equipes se organizassem e voltassem dispostas a conquistar o título. Com apenas 4 minutos do segundo tempo, Venícius marcou o quarto gol do Tem Alumínio, após confusão na área.

Willian marcou mais um para a Fuchs aos 7 minutos e diminuiu a diferença do placar que, agora, marcava 4 a 3. A Fuchs até ensaiou uma reviravolta, mas a vantagem do campeão só aumentou daí para frente.

Aos 9 minutos Luiz Henrique Machado chutou cruzado de fora da área e marcou o quinto do Tem Alumínio. Logo em seguida Uátila marcou o sexto gol. Faltando cinco minutos para o fim do jogo, a equipe da Fuchs utilizou o recurso do goleiro linha e Edson Dias marcou de peito. 

Mas, como gol em aberto por conta da nova função do goleiro, Tem Alumínio marcou mais um, com chute direto aos 17 minutos. Um minuto depois, Uátila marcou mais um: 8 a 4 no placar. O camisa 14, Maurício Sabino, marcou o quinto da Fuchs aos 19 do segundo tempo.

O minuto final de jogo foi repleto de emoções. A Fuchs conseguiu marcar mais um gol com Maurício Sabino. Aos cinco segundos do fim, Peterson, novamente marcou para o Tem Alumínio. Fim de partida e Tem Alumínio bicampeão do Industrial de Futsal.

Premiações

Além do Tem Alumínio e da Fuchs, que ficaram com o outro e a prata, respectivamente, foram entregues outras premiações na última quinta (5). A equipe da Cablena ficou com o terceiro lugar. O troféu de melhor defesa foi entregue à B.S. O campeão, Tem Alumínio, de fair play. O melhor técnico foi eleito Cláudio José de Castro, do time campeão.

Uátila Felipe marcou 22 gols e foi eleito o artilheiro do campeonato. “Eu penso que a artilharia é a consequência do meu trabalho. Se eu estiver na hora certa, no local certo, vou marcar um gol. Em relação à final, nosso time deixou a desejar no início, mas logo depois, impusemos nosso ritmo e ficamos com o título”, finalizou.

Final industrial corpo 6

Final industrial corpo 5

Final industrial corpo 4

Final industrial corpo 3

Final industrial corpo 2

Final industrial corpo 1