Amor próprio é tema de próxima roda de conversa da Saúde

Notícias

Praticar o amor é algo que está em evidência nos dias de hoje, principalmente numa sociedade atarefada demais e, em partes, avessa a alguns princípios morais e éticos. E o amor próprio, então? Como vencer as barreiras, usar isso no dia a dia? Na próxima segunda-feira (13), às 10h30, no CCI (Centro de Convivência do Idoso), o tema será tratado pelo Programa de Terapias Integrativas e Complementares, da Prefeitura de Itupeva.

“A ideia é que as pessoas tenham novos conhecimentos sobre os diversos tratamentos e terapias. Todos são bem-vindos nos encontros e não precisa fazer a inscrição. É só chegar e participar”, comentou Lúcia Checchinato, secretária de Saúde.

Em 2017 a Prefeitura de Itupeva colocou em prática o programa de Terapias Integrativas e Complementares. De modo geral, os assuntos abordados têm relação com a prática de atividades físicas, cuidados com a alimentação e saúde mental.

Na próxima segunda (13), inclusive, a especialista Fabiane de Souza é quem vai tratar de como o amor próprio afeta a autoestima e faz com que a pessoa passe a pensar positivamente, por exemplo.

Nessa semana, a fisioterapeuta Gabriela Amaral apresentou o conceito de trilhos anatômicos (foto) - relacionados aos pés, tornozelos, joelhos, quadril e coluna, formando um projeto estrutural ósseo milimetricamente desenhado para otimizar a função corporal, por meio da postura adequada e ergonômica.

“Muitas vezes a população acaba sentido falta de informação ou recebe informações erradas sobre áreas de saúde. Essas rodas de conversa dão oportunidades para que os profissionais mostrem seu conhecimento, faz com que a população tenha conhecimento sobre determinado assunto e aplique as dicas no dia a dia”, comentou Gabriela.

Próximos encontros - O cronograma das próximas segundas foi definido pela Secretaria de Saúde: Círculo da Vida (20), com Lucimara Ferreira dos Santos e Luciane Ferreira; Virtudes, com a palestrante Cleusa Navarro (27).

O programa tem coordenação da equipe de saúde, composta por José Luiz Milani, médico ortopedista da rede; enfermeira do Centro de Diagnóstico Maria Ângela Cal Rodrigues; coordenadora de Saúde Mental, psicóloga Telma Marques Silva; e o educador físico Diego Agostini.

O Centro de Convivência do Idoso fica na Rua Hermenegildo Baston, s/n, Jardim Tuiuti.