Sistema de monitoramento de Itupeva recupera veículos furtados

Notícias

Durante quase dois anos, o sistema de câmeras do município ficou inativo por falta de pagamento do antigo governo à empresa responsável pelo sistema. Retomado o trabalho após o pagamento da dívida pela atual administração, o monitoramento já ajudou recentemente a Guarda Civil Municipal a identificar e recuperar dois veículos (um utilitário e uma motocicleta) que haviam sido furtados em municípios vizinhos.

“Existiam muitos serviços paralisados por falta de pagamento e um deles era o monitoramento. Embora a segurança pública seja responsabilidade do Governo do Estado, Itupeva já teve nesta nova administração a criação da Patrulha Rural para a segurança nas regiões agrícolas, a retomada do sistema de câmeras e o chamamento de sete pessoas que passaram no concurso da Guarda Municipal para realizar o curso de formação”, explicou o prefeito Marcão Marchi.

Por meio das câmeras, o sistema eletrônico faz a leitura das placas de veículos na cidade e armazena estas informações num banco de dados. O sistema também é alimentado com as placas dos automóveis, motocicletas e utilitários roubados ou furtados. Quando estes veículos cruzam as câmeras, um sinal sonoro é acionado na central de monitoramento e a GCM informa às viaturas onde o carro suspeito está.

“Se houver qualquer informação do veículo ou da motocicleta, um adesivo colado, a cor e até algumas informações da própria placa, os guardas registram no sistema e é rastreado em 18 cidades da região, que possuem o mesmo software de monitoramento”, comentou Marcão Marchi.

Atualmente, as câmeras estão localizadas em vários pontos da cidade. A tecnologia trouxe mais agilidade nos sistemas operacionais e nas ações realizadas nas ruas da cidade.